Uma breve visita a terras de Sua Majestade – Newcastle

De visita às terras de Sua Majestade, visitando a cidade de Newcastle.

No passado dia 22 de Julho falei-vos da Cristina que vai correr os 21 quilómetros da meia maratona mais famosa do mundo (Great North Run) que terá lugar por cá no próximo mês de Setembro.

Tirando a marcada diferença de temperatura e os escassos dias de pleno sol, a paisagem urbana (principalmente as zonas ribeirinhas junto ao rio Tyne) bem como as planícies fora do perímetro urbano, são um bom motivo para justificar uma breve escapadinha! Com voos regulares de baixo custo da EasyJet entre Faro e Newcastle, em três horas, torna-se relativamente simples fazer a viagem.

Um pouco de história de Newcastle

Newcastle upon Tyne é uma cidade bastante antiga situada na zona nordeste de Inglaterra (já quase perto da Escócia!) situada na margem esquerda do rio Tyne. Com registos mais significativos de presença humana que datam do século II aquando da ocupação romana que aqui fundou o castro Pons Aelius (Ponte de Adriano) para apoiar a construção da muralha de Adriano.

Em 1080, perante a urgente necessidade de defesa mais eficiente contra as investidas inimigas, o duque da Normandia manda construir um castelo novo (new castle) feito principalmente de madeira sobre um monte de terra e pedra (Castelo motte and bailey) no lugar do antigo castro romano dando assim o nome definitivo à localidade.

Na idade média, era o principal centro militar do norte da Inglaterra, garantindo a defesa da fronteira com a Escócia. Mais ou menos durante a época dos descobrimentos portugueses, a cidade ganha importância como porto comercial vindo a tornar-se no único centro portuário autorizado para exportação de carvão no norte da Inglaterra.

 

Arquitectura e monumentos

A nível arquitectónico, gostaria de destacar a zona ribeirinha, com a presença imponente das pontes sobre o rio Tyne bem como para o centro histórico com as casas tipicamente georgianas e vitorianas (ou no estilo designado também como Tyneside Classical).


A estação de comboios (Newcastle Central Station) – à direita, inaugurada em 1850 pela rainha Victoria foi a primeira estação de comboios totalmente coberta no mundo inteiro.

 

O castelo Castle Keep, mandado construir por Henrique II de Inglaterra entre 1172 e 1177.

 

O Sage, centro de educação musical, artes e cultura (cujo nome vem da empresa de software Sage que pagou uma nota preta para que o edifício ficasse com este nome). Embora não esteja localizado na cidade de Newcastle (está na cidade de Gateshead, precisamente do outro lado do rio Tyne) faz parte da paisagem que se pode vislumbrar a partir de Newcastle.

 

Curiosidades sobre Newcastle:

  • Desde 1981 que a meia maratona mais famosa do mundo parte anualmente de Newcastle, atravessando o rio Tyne e terminando 21 quilómetros depois, perto da foz do rio, em South Shields ao largo do mar do Norte.
  • Os portugueses sempre tiveram uma presença surpreendente na meia maratona de New Castle. Em 1983, Carlos Lopes venceu a corrida masculina. Em 1985 e depois em 1990, Rosa Mota venceu a corrida feminina. Recentemente, em 2009, e também na corrida feminina, Jéssica Augusto chegou em primeiro lugar e no ano passado (2010) em segundo, terceiro e quarto lugares ficaram respectivamente três portuguesas: Dulce Félix Marisa Barros e Sara Moreira.
  • Eça de Queirós viveu cá como diplomata entre finais de 1874 até Abril de 1879 (precisamente durante o seu período mais produtivo a nível literário)
  • A primeira demonstração pública da utilização de uma lâmpada incandescente teve lugar a 3 de Fevereiro de 1879, promovida pelo inventor Joseph Swan num anfiteatro local, tornando assim esta a primeira cidade do mundo a dispôr de um edifício público com luz eléctrica. (Pergunto-me a mim próprio se o Eça de Queirós terá assistido à apresentação?)
  • Newcastle é a sede internacional da Sage (empresa de software de gestão). Como informático de profissão, vejo-me obrigado a trabalhar com alguma frequência com os programas da Sage, pelo que, é curioso estar na cidade de onde surgiu este software.
  • A diferença de horas entre o dia e a noite é muito marcada no verão e no inverno. Por exemplo, no último solstício de verão, o Sol nasceu às 04h34 (!) e ‘pôs-se’ às 21h24. Já no próximo solstício de inverno, o Sol irá aparecer pelas 10h00 e irá dizer ‘adeus’ logo pelas 16h05. Portanto, o maior dia do ano dura quase 17 horas (!) e o dia mais curto dura apenas 6 horas… =/
  • Newcastle é cidade natal de Sting (ex-Police) e de Brian Johnson (vocalista dos AC/DC desde 1980).


Anúncios
Categories: Curiosidades, Viagens e Paisagens | Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: